A sinuca do Demo

23 12 2009

Faltando cerca de 3 horas para o início da reunião do Demo-DF que deve selar o destino de Leonardo Prudente, salta aos olhos a convicção de todos que o distrital do dinheiro nas meias irá mesmo pedir desfiliação, evitando submeter-se à expulsão que é tida como ‘mais do que decidida’.

Resta ao Demo-DF uma questão que se mostra mais delicada: o que fazer com P Ó – Paulo Octávio, o vice de tantas citações e práticas não condizentes com um cargo desta envergadura e que já mandou avisar reiteradas vezes que ninguém dentro do partido tem idoneidade para expulsá-lo ou para dizer o que ele deve fazer.





Paulo Octávio e o Demo em dia decisivo

23 12 2009

O PSB-Partido Socialista Brasileiro resolveu cortar o mal pela raiz, defenestrando de seus quadros aquele que era seu único Distrital, Rogério Ulysses. Pairava sobre o Distrital uma série de suspeitas, algumas menções por parte de Durval e o histórico de adesismo dele (Rogério) ao governo Arruda. Eleito pela comunidade da Agrovila São Sebastião, com uma vida comunitária intensa e um futuro político promissor, Rogério está fora das eleições de 2010 – tendo em vista de que não dispõe mais de prazo para efetivar uma nova filiação partidária. É mais uma vítima da ação de Roriz para evitar que Arruda fosse candidato em 2010…

Mas hoje, quarta-fera dia 23 dezembro, o tempo vai esquentar na reunião do Diretório Regional do Demo aqui no DF. Em pauta, dois assuntos espinhosos: a expulsão de Leonardo Prudente do Partido e o que fazer com Paulo Octávio – contra o qual AINDA não foram reveladas fitas, mas já há tanta gente dizendo que passou dinheiro pra ele, que tava pegando dinheiro em nome dele, que ele tava esperando o dinheiro dele, que ele pediu dinheiro, que ele é jeitoso pra isso e pra aquilo…

A situação da turma do Demo é preocupante, tendo em vista que não há mais tempo para reorganizar uma estratégia. A sinuca dos demoníacos é de tal envergadura que estão propondo que PO se afaste por 60 dias nda prsidência, período no qual esperam que as turbulências já tenham sido extintas, principalmente tirando o assunto da pauta de jornais (afinal de contas, o GDF tem muito dinheiro para pulbicidade). Se isto acontecer, periga dele conseguir se manter no Demo e pleitear uma candidatura ao Buriti.