No DF, bandidagem arma esquema para ‘emparedar’ Agnelo

18 11 2010

Meio por baixo do pano, mas não fazendo nenhuma questão de atentar-se aos cuidados e precauções elementares, o grupo criminoso que foi montado durante os governos Roriz – 1999 a 2006 – e que, pela chantagem, conivência e troca de favores, tornou Arruda refém de suas práticas (que continuam intactas no governo Rosso), está atuando fortemente no sentido de colocar Agnelo sob o seu comando.
Trata-se basicamente de um grupo de policiais civis aposentados, capitaneados por Durval Barbosa e Toledo, que se dizem credores de Agnelo por não terem fornecido o material de que dispunham para a campanha de Roriz e, em troca, agora, querem a manutenção de suas benesses.
É muito amplo e estranho o leque de atuação – vai de agências de comunicação com contratos com o GDF e que desavergonhadamente se extenderão pelo primeiro ano do mandato de Agnelo/PT. Mas é bem mais audaciosa a rede montada, inlcuindo a intimidação ao governador no sentido dele aceitar entregar a parte das finanças (Secretaria da Fazenda, BRB), das obras (Secretaria de Obras), transportes (cartelizado ao extremo – enquanto em Salvador atuam cerca de 70 empresas, no DF apenas quatro operam todos os serviços) e a questão fundiária (Terracap e legalização de condomínios e vistas grossas para invasão de áreas públicas – além dos interesses do Creci, Ademi & Cia).
A turma tem expoentes, além dos dois já mencionados. Figuras manjadas das tramóias, falcatruas e malversações de recursos e práticas desabonadoras como Brunelli, Luiz Estevão, Afrânio, Pedro Passos, Zé Edmar, Pedro Barbudo, Rosso, Welligton Morais (conhecido como Baiano) e que foi secretário de comunicação de Roriz por oito anos e fiel escudeiro de Arruda, Omézio Pontes – passando por pessoas do judiciário, ministério público, Tribunald e Contas do DF e União.
Em verdade, trata-se de herança de podridão que a passagem de Roriz e seu modo de fazer política – emporcalhando e enxovalhando as instiutições aqui no DF – conseguiu dar ares de normalidade e de imutabilidade. Será necessária uma urgente e profunda assepsia nas estruturas do pdoer no DF. E o desafio desta turma é impedir que Agnelo tenha condições de fazê-lo.
Quem irá vencer o embate?
Pelos sinais que estamos vendo, teme-se que o crime seja vencedor!


Ações

Informação

2 responses

19 11 2010
Ary

O PMDB do DF é uma quadrilha. Alguma dúvida? Pesquisem, nome por nome.

19 11 2010
Ana Cruzzeli

Alfredo

Tudo que você vem colocando nos ultimos dias é extemamente grave.
Não sou filiada ao PT,voto desde sempre em candidatos do partido. Em dezembro do ano passado o meu candidato ao GDF era o Magela. Não sabia que havia um acordo firmado dentro do partido para que Agnelo viesse a concorrer.
Mandava e-mails para a presidencia do partido falando da minha admiração pela tenacidade de Magela em 2002 e quando deu a volta por cima em 2006 e ainda pela honradez de Wasny de Roure até acontecer aquela disputa interna que culminou na convenção do partido.
Não vou negar que fiz campanha para Magela mesmo não tendo direito ao voto dentro do partido.
Acho que Agnelo, em alguns pontos foi deveras ingenuo: invasão de area verde de sua residencia , fazer o tal do pacto de não agressão com o Roriz e ainda falar com Durval sobre as fitas . Contudo acho que o Agnelo tem uma coisa em seu favor, ele vai para o sacrificio se assim lhe for pedido.
No ano de 2008 o cenário politico não era dos melhores para os partidos de oposição e a vitoria de qualquer candidatura contra ao Arruda-roriz seria remota, o Agnelo se colocou como candidato sabendo disso. Tudo bem que em 2002 o cenário para o Magela também não era dos melhores e ele deu uma canseira no Roriz. Fiz campanha para ele desde então.
Conversando com alguns colegas filiados ao PT e não filiados, muitos já estão fazendo um frente de proteção ao Agnelo e logicamente a Dilminha. Estamos preparados para fazer pressão politica e também juridica junto aos peemedebistas do mal. A banda podre da policia Civil está na nossa mira desde 2002. Eu mesma tenho 5 denuncias junto ao MPF/PR/DF e MPF/PGR somados contra essa que se tornou uma quadrilha.
O primeiro passo é o sindicato dos policiais civis ( ali é uma quadrilha ). Temos que tentar convencer os policiais do bem a mudar essa organização criminosa para seu proprio bem, para tanto há um trunfo. Em 2011 esperamos sair o resultado da investigação que pode enfraquecer esse bando.

P.S. O Roriz nunca brigou com o Arruda, a delação foi fachada, e o Arruda combinou com Durval para se entregar inventando o tal do bilhete.
P.S.2. Alfredo vou te dar uma dica de como a coisa vai pegar em 2011. O Brasil vai montar uma embaixada em Cabul/Afeganistão. Sabe por que?
P.S.3. Tem coisa do Paquistão chegando ao Brasil ( camuflado) e mandado para os EUA. Os estadunidenses já sabem desde fevereiro deste ano. Até aquele rapazinho que está liberando os arquivos secretos da guerra do Afeganistão pela internet já sabe.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: