Velha mídia arma o velho bote

22 11 2010

A exemplo do que fez no governo Lula/PT – com êxito financeiro – a velha mídia está repetindo com o ainda não iniciado Governo Dilma/PT a mesma estratégia de constranger o governo, acuá-lo e sistematicamente desmoralizá-lo com factóides com o único objetivo de levar vantagem.
A Folha de São Paulo, que exterioriza toda frustração e sentimento de impotência dos paulistanos diante da realidade de um Brasil que deixou de ser cabresteado pelas besteiras da Fiesp e não se curva mais às vontades dos endinheirados dos Jardins, não teve a dignidade de dizer qaue a prova do Enem que ela tanto critica e aponta falhas foi impressa na sua gráfica (Plural), como no ano anterior a prova fora subtraída do interior da mesma gráfica. Cabe lembrar que o Governo Federal não queria imprimir as provas nesta empresa, mas ela conseguiu na Justiça o direito – mesmo todos sabendo de sua incapacidade técnica, gerencial e ética.
A Veja, que ganhou muito dinheiro do Governo Federal nos últimos oito anos na mais estúpida visão reinante dentro do Governo Lula/PT e na Secom, repete a estratégia. Na linha editorial, ataca Dilma e quem estiver por perto dela. Na parte comercial, está tentando extorquir, através da chantagem, um acordo financeiro benéfico e que garanta publicidade farta. Pelos corredores do Congresso Nacional escuta-se o tititi histérico e eufórico de alguns oposicionistas dizendo que a Veja continuará aliada deles – dizendo abertamente que, a partir de janeiro, quem estará na presidência será a terrorista.
A Veja quer a garantia de que terá dinheiro privilegiado do governo, como teve nos oito anos de Lula/PT. Dinheiro de publicidade. De acordos. Por isso bate e continuará batendo. Será que o Governo Dilma/PT será tão conivente, subserviente e tolo quanto foi o Governo Lula/PT na relação com a velha mídia?
O Estadão mantém a velha postura dos empresários brasileiros, que cinicamente atacam o Estado, mas que dependem do Estado para alavancar seus negócios.
E qual será a postura do Governo Federal e do Governo do RS com a RBS – este grupo mafioso-midiático que atua como um verdadeiro câncer a destruir a dignidade, a identidade e a cultura dos gaúchos?
A Globo, a despeito do seu golpismo reiterado, agora terá muito mais de se preocupar com o crescimento sólido e consolidado da Record do que manter-se no seu exercício predileto de articular a derrubada do Governo Dilma/PT. O fortalecimento da Record representa um duro golpe no núcleo oposicionista, uma vez que isto possibilita ao telespectador uma alternativa de informação com viés um pouco mais democrático.
Uma preocupação adicional: a oposição se deu conta de que talvez seja mais interessante centrar sua atuação nas redes/cadeias de rádio – que não tendo a visibilidade da TV, em verdade tem muito mais efeito. Neste sentido, o noticiário da CBN (com seus comentaristas) traz muito mais ataques ao governo do que a própria TV. Valendo-se desta ausência de repercussão pública, estas ‘redes’ acabam servindo de espaço para disseminação de ódio e de rancor dos Jabor da vida – sub-raça de comentaristas que usam a frustração como alimento para destilar ódio e preconceito.
No fundo… eles querem continuar atacando o Governo Federal e querem também ganhando os rios de dinheiro que ganharam do Governo Lula/PT…

Anúncios

Acções

Information

11 responses

22 11 2010
Marlene

E para completar dá uma olhada neste artigo do PHA, sobre o que o Sr. Serra fez por S.P. Imagina se essa “competência” chegasse à Esfera Federal?
http://www.conversaafiada.com.br/politica/2010/11/22/a-heranca-maldita-do-cerra-obras-foram-%E2%80%9Cdinheiro-no-lixo%E2%80%9D/
Neste artigo ele cita a verdadeira herança maldita do ‘ Cerra”
Caro, tá dificil aguentar o governo paulista EXCLUDENTE, finge que se tem feito e o pior o povo acredita. Parece o “SHOW DE TRUMAN”, o site da revista ” IN veja” com o seu digno representante ” Rei naldo Azedo” está cada vez mais inflamando as mentes dos iludidos leitores… Vc precisa ve como são tratados os pobres de SP, Depois que esse governo sumiu todas as favelas foram incendiadas, estranho? é melhor queimar os barracos do que criar uma política mais social para resolver os problemas? o duro que vc não tem como provar que há algo estranho porque as condições são propícias para ocorrerem incêndios, mas porque mesmo morando tantos anos em favela só nos últimos 16 anos ocorreram mais incêndios? fico com a pulga atrás da orelha. Não sou a favor de favelas e nem de pobreza extrema, mas deixar o pobre sem nem mesmo um barraco para morar é ser cruel demais, aí eles vão para os prédios abandonados e depois de alguns meses são expulsos de lá a base de cacetetes ( reintegração de posse), e aí ninguém ajuda porque foi cometido um ” crime” invasão de propriedade. Pense, se estão na favela, o governo e obrigado a dar uma moradia digna, mas se incendeio, e eles são obrigados a invadir prédios abandonados, eu ” governo” não tenho mais obrigação com eles… Caro amigo é assim que pobre é tratado neste ” COMPETENTE” governo estadual, isso há 16 anos…

22 11 2010
Jota Lopes

Se tudo isto que vc diz a respeito das verbas de publicidade da Secom é verdade, então, ao que parece, vai continuar tudo do mesmo modo. Já li em outros sites, alguns ditos de esquerda, ( haja Lenin para aquentar esta gente), noticias dando como certa a indicação do Francklin Martins para o ministério das Comunicações. Então a Dilma vai continuar levando paulada nos proximos quatro anos. É esperar para ver.

22 11 2010
Marcio Avelar

Jota,
é bemmmm pior do que o pior dos cenários pintados. O problema é que tem petistas como o Suplicy que é capaz de botar uma melancia na cabeça para aparecer na Globo, na Veja ou em algum dos grandes veículos. E são estes petistas os que mais defendem que os grandes veículos continuem mamando nas tetas da Secom. Em verdade, só votei na Dilma porque a Marina é uma ‘maria vai com as outras’ e o Serra… bom, o Serra e o PSDB todos nós conhecemos. Em verdade – eu votei, mas me segurei para não vomitar.

22 11 2010
Luis Antonho Seixal

E você não vai falar nada do Weligton Moraes na Secom-DF? Dizem que o Agnelo tá na mão dos bandidos. Assim não vai sobrar nenhuma boquinha. Nem pra quem luta feito o seu jornal que pego toda semana na rodoviária.

22 11 2010
Marco Antonio Esquadrinha

Nada mais eterno do que o que passou. Fiquei sabendo que o governo Agnelo resolveu colocar um pé na porta e não vai deixar a turma do Filippelli tomar de assalto o GDF. Se isto acontecer, o mértio terá sido todo teu – que denunciou a trama e a tramóia de Valdivino e outros bandidos rorizistas.

22 11 2010
Cadê Minha Boquinha

Alemão, meu ermão!
Pelo jeito estás com medo de perder a boquinha.
Este povo do PT não cumpre acordo.
Para quem gosta de esquema, o caminho era Roriz e não o PT.

22 11 2010
buddy

Marlene. você tem razão,este ano foi incendiada uma favela à cada 5 dias em são paulo. os demotucanos deram dinheiro para os nordestinos voltarem para casa e nunca mais pisar na cidade dos “limpinhos e cheirosos”,quem ficou esta sendo afogado na zona leste ou virando churrasquinho nos barracos da periferia.os canalhas estão fazendo uma limpeza social, pq não precisam mais da mão de obra, que foi escravizada para construir uma maiores e mais modernas cidades do mundo. os porcos comem e cospem no prato.

23 11 2010
Marlene

Os “sem-tetos” estavam acampados em frente Sede do Governo em barracas improvisadas. Segundo à polícia, retiraram eles sem graves problemas, mas segundo os representantes deles foram à base de cacetetes. O estranho é que não há nenhuma imagem sobre o incidente e nem mesmo uma só de celular… Isto, ocorreu ontem em plena luz do dia….
E não resolveram nada, há mulheres, crianças e idosos, morando em barracas.. suas “casa” foram incendiadas, alagadas, desmoronadas e nada fazem para dar condições dignas a esses cidadãos. São Paulo não enxerga que está se tornando uma Cidade excludente, preconceituosa, individualista ( cada um por si, e nem Deus por todos) e totalmente egoísta. Pena, porque sendo uma das mais ricas cidades deveria dar exemplo de como tratar o pobre, dando melhores condições de moradia, saneamento, saúde, e se tornando modelo de gestão. É uma pena que eu tenha que vê tudo isso e ficar com as mãos atadas..

23 11 2010
Ana Cruzzeli

Alfredo

Tudo o que você coloca tem fundamento sob a esfera da ética jornalista.
Como instituições do porte da Globo, Estadão, FSP, RBS, etc. omitem e por muitas vezes mentem para o leitor ou telespectador? Eu confesso que isso não me interessava e por muitas vezes nem percebia a manipulação, comecei a me dar conta só em fevereiro deste ano quando entrei nessas comunidades e veículos alternativos pela internet.
De lá para cá comecei a analisar, não sob o aspecto ético jornalístico e sim sob o aspecto legal. Aí a coisa pega.
Quando o Governo distribui verbas de patrocínio deve seguir algumas regras se deseja respeitas as leis ou o bom-senso.
Deve se respeitar primeiro a formalidade da instituição na qual está pagando pela publicidade, e aí tem ser a tiragem contábil.
Analisando o caso da Veja, Isto É, FSP e tantas outras, ao se denunciar tais instituições deve se observar a tiragem-venda e não a tiragem-doação e tiragem-contrato-empresa. A questão é muito complexa, mais do que eu imaginava.
Fiz recentemente um pedido de análise de tais questões a procuradoria da republica. No meu ponto de vista, a tiragem-doação é fraude contábil, passível de prisão. Tenho quase que total certeza de isto procede, agora os contratos com Governos e prefeituras há duvidas. Muita gente está achando que o contrato que o GDF e GSP fez com a Veja e FSP ( em SP ) e Correio Brasiliense ( DF ) são ilegais. Isso não é verdade.
Tais contratos são perfeitamente legais. A nossa intenção na época foi alertar a procuradora Anna Carolina que havia um anacronismo. Por quê?
Para que começássemos a ensaiar mudanças na publicidade federal e mudança na contabilidade das tiragens. Acho que o Franklin Martins e o Governo Federal como um todo estão observando tais questões. A procuradora Anna pode ter usado os dois caminhos, primeiro ter pedido a um Juiz federal que analise esta questão e proceda as correções , pois o anacronismo existe isso não se tem dúvidas. Ainda deve ter pedido ao Governo Federal que regulamente tal item para que se evite interpelações na justiça.
Outra questão é o respeito ao principio da isonomia. Lula como bom seguidor de Rui Barbosa sabe que a lei deve cobrir a todos. Ele jamais faria como FHC …
Esse é outro lado do Lula que eu respeito, pois também sou seguidora desse brasileiro que com os seus contemporâneo criou os pilares que sustentam a nossa Republica.
Alfredo e demais comentaristas: A Lei que não protege meu adversário, meu algoz, meu inimigo não há de me proteger.
Muitos devem está se perguntando, por que o Lula não promoveu antes a regulamentação da Mídia? Porque a sociedade ainda não tinha pedido, se pediu não pressionou, se pressionou não disse qual seria o caminho.
Agora já estamos no caminho e não há volta.

24 11 2010
Humberto

Fiquei sabendo do seu blog por um comentario no site Amigos do Presidente Lula. Gostei, parabens pelo seu trabalho.

Mas pega leve nessas questoes internas da blogosfera. Satisfazer ou acomodar todos os blogueiros e blogs que estao crescendo mais do cogumelo depois da chuva, e’ uma tarefa impossivel.

A entrevista do Lula abre um precedente importantissimo, independentemente do que possa parecer injusticas no criterio de selecao. Fica mais facil pra Dilma fazer o mesmo, depois.

Institucionaliza a blogosfera democratica, independente – acho que isso e’ mais importante do que privilegiar uma “blogosfera progressista”, termo que acho menos democratico e mais parcial do que “blogosfera independente.”

Vai, sem nenhuma duvida, aumentar a importancia da blogosfera na opiniao publica e ampliar sua extensao.

E’ possivel que o Lula diga coisas que o PIG tera’ que repercutir, ou criticar; mas sera’ impossivel que simplesmente ignorem a entrevista; e ao repercutir, milhares de outros internautas entrarao pela primeira vez nos sites independentes. Esta entrevista do Lula, sera’ motivo de conversa no Brasil inteiro.

Um fato historico na luta pela democratizacao da midia e da informacao no Brasil.

24 11 2010
passelivreonline

Saudações!
Quando a blogosfera começar a ter ‘questões internas’ que não devem ser tocadas estaremos institucionalizando a esperteza – que é tudo que os espertalhões gostam para se dar bem, para levar vantagem. Não se trata de acomodar ‘todos’, mas de jogar claro, limpo. Ou o processo é democrático, transparente, ou vira pilantragem.
O que questiono é que existe uma panela que quer ‘controlar’ a blogosfera para se dar bem.
Em lugar de ser um avanço, na minha opinião a entrevista do Lula reforça a tese de que a esperteza conta mais que as convicções.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: