Jorge Martins – O Crocodilo de 4 de abril

4 04 2011

Brasiliense continua favorito - Ft.: Francisco Stukert


MUITA ÁGUA AINDA VAI ROLAR

A fonte ainda não secou. O que quero dizer é que não há nada definido no Candangão. Pela lógica, óbvio que o Brasiliense continua como o mais cotado para chegar ao título. Tem o melhor time, melhor banco, melhor estrutura. Por sinal, não sei sequer o que ele está fazendo nesse quadrangular. Um time que chega na frente dos demais com 12 pontos de vantagem, num campeonato curto como o da FBF, há muito já deveria estar com a taça, título e faixas de camepão na Boca do Jacaré. Mas se concordou com o regulamento, paciência. Mas,repito, é o favorito.
Domingo, em Formosa, o Brasiliense pegará um adversário determinado a tirar o couro do Jacaré a qualquer custo. A empolgação tem seus justos motivos. Afinal, o verde formosense não apenas fez uma boa campanha e classificou-se para as semifinais por seus próprios méritos como, agora, na hora dos pingos nos “i”, bateu o Botafogo-DF no Cave e o Gamão em seus domínios. E, por favor, sem essa de chororô, de responsabilizar a arbitragem. Se o gol foi duvidoso, o Periquito teve perto de 60 minutos para chegar a igualdade, 10 deles com o Formosa com um jogador a menos. Mesmo derrotado, ouso afirmar que essa tenha sido uma das melhores partidas do Gama no Candangão. O resultado mais justo seria o empate. Mas futebol é isso mesmo.
Contra o Brasiliense, portanto, o Formosa terá de jogar todas as suas fichas. A vitória será fundamental para requerer o visto do seu passaporte para à final. Com nove pontos, poderá até perder seus futuros jogos no DF e esperar por uma vitória contra o Botafogo em seu território. Daí porque até mesmo um empate contra o Amarelão de Taguatinga, convenhamos, estará de bom tamanho para ele, vez que um empate entre Gama e Botafogo-DF ainda o deixará numa situação bem confortável na tabela.
Ao Botafogo e Gama, não restam maiores alternativas: só vitórias interessam. Quem perder, dança! Para manter a pretensão de ainda chegar à final, sem pontos ganhos, ambos terão uma rodada decisiva no próximo domingo. Será vencer ou vencer! E torcer para o Brasiliense superar a equipe goiana (que ainda terá dois jogos difíceis em Brasília, contra o Jacaré e o Gama, no Serejão e no Bezerrão, respectivamente. É isso aí!

—-

PLACAR MORAL

CANDANGÃO

Formosa 1 X 1 Gama
Brasiliense 1 X 0 Botafogo

PAULISTA

Mirasol 1 X 1 São Paulo
Palmeiras 2 X 1 Santos

CARIOCA

D.de Caxias 1 X 4 Flamengo
Vasco 7 X 1 Bangu
Botafogo 0,0 X 0,0 Resende

—-

FIM DO CREDENCIAMENTO

A Associação Brasiliense de Cronistas Desportivos – ABCD – informa aos associados e empresas que ainda não solicitaram o credenciamento nacional da Abrace, que o prazo para esse procedimento será encerrado no dia 15/04.
A partir dessa data, o credenciamento nacional será feito apenas para os integrantes de equipes esportivas que estejam começando suas atividades.

—-

CARTÃO VERMELHO

A Fifa e a Uefa baniram a Bósnia do futebol mundial. A ação é decorrente da Federação do país negar-se a mudar seu estatuto, que prevê o comando diretivo da entidade através de um regime de três presidentes, como ocorre com o governo bósnio. Como não foram atendidas na determinação, as entidades decidiram suspender os bósnios, por tempo indeterminado. Sua seleção e clubes (56ª colocada no ranking mundial) estão proibidos de jogar partidas internacionais..

—-

OPINIÃO
(E-Mail para Fernando Calazans-O Globo)

Amigo Fernando. Enquanto embalo meu domingo ouvindo o magnífico Carlos José, gostaria de observar que se o Milan jogasse sempre tão bem como jogou contra a Inter, seria um time quase imbatível. Sidorff acabou com o jogo. Joga muito o holandês casado com brasileira. Até os geralmente medíocres laterais do Milan jogaram bem. O namoro do Pato com a filha do “homem” tudo indica que tem feito bem ao garoto. Ótimo. Você viu, Fernando, baixaram o cacete naquele talentoso meia holandês. Mas, também, já mascaradão, cheio de frescuras. Creio que a Inter ainda é melhor time do que o Milan. Mesmo porque não existe dois jogos iguais. Caso Ganso realmente vá embora, azar o nosso e da bola, prefiro que vá para o Barcelona. Mas como parece não haver tal posibilidade, que vá brilhar na Inter. O que achas? Por fim, achei uma piada de mau gosto, li por aí, que o Real Madrid gostaria de trocar Kaká por Neymar. Nem quando Kaká estava em forma, jogava mais do que Neymar, que, por sua vez, é muito mais moço, sem contusões e ainda com muita lenha-futebol para mostrar. Forte abraço e continue lembrando de verdadeiros e eternos craques, como Didi, Gerson, Zico. Faz bem ao futebol, eleva teu raciocinio e deixa feliz teus leitores de bom gosto. (Vicente Limongi)

—-

BOLA MURCHA

O troféu Bola Murcha do final de semana vai para o grupinho de cafajestes, que travestidos de torcedores do Gama provocaram toda sorte de badernas antes, durante e após o jogo do alviverde em Formosa, cidade que tão bem tem acolhido todas as torcidas dos clubes do Distrito Federal. A PM foi muito condescendente. Mereciam xilindró.

—-

TÚLIO MARAVILHA

Na batalha pela conquista do seu milésimo gol, o atacante e boa praça Tulio Maravilha foi personagem, domingo, no Serejão, de matéria especial para o SportTV. A equipe da emissora poderia ter aproveitado a oportunidade para entrevistar o meia Iranildo, que também teve boa passagem pelo alvinegro carioca e aos 35 anos continua sendo um dos destaques do futebol brasiliense.

—-

TOMA, CÉSAR!

Cumprindo o ditado “A Cesar o que é de Cesar”, a coluna deseja cumprimentar o administador regional do Guará, Carlinhos Nogueira, que mesmo ainda sem ver a cor do dinheiro do GDF para muitas medidas que pretende tomar em favor do cidadão local, determinou nesta segunda-feira a passagem do trator para aparar o matagal que vinha tomando conta das quadras e conjuntos daquele satélite. Posto isto, “Toma, Cesar!” Valeu Nogueira! Nota mil.

—-

Partido Liberal está de volta à politica nacional

O Partido Liberal (PL) está de volta e com muito gás para fortalecer a política nacional. A sigla retorna contando com apoio de pastores evangélicos e de diversos outros setores, identificados com o ideário político do partido. Todos juntos estão promovendo uma mobilização nacional para refundar o partido, que foi extinto em 2007, depois da fusão com o Prona, que resultou no Partido da Republica (PR). Um dos coordenadores da legenda em Brasília, o pastor Osésa Rodrigues, diz que o partido já está próximo de conseguir número suficiente de assinaturas para requisitar seu registro formal junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), cuja exigência da lei eleitoral é de apresentar a assinatura de 0,5% dos eleitores registrados no Brasil, o que corresponde a 500 mil assinaturas.
Segundo Osésa, um grupo de evangélicos trabalha desde 2007 para recriar a sigla que já conseguiu o apoio, na capital federal, de mais de 23 mil assinaturas. E em 18 estados o total ultrapassa 400 mil assinaturas de apoio. Osésa indica que o PL não será, explicitamente, um partido evangélico, mas espera que seja um espaço para congregar todos os evangélicos, que vão defender os interesses dos fiéis.
A legenda no DF prepara um grande evento para a próxima sexta-feira, 8 de abril, quando dará posse à executiva do partido, solenidade que oficializará a diretoria e contará com a presença do presidente nacional, Cleovan Siqueira. (Por:Deise Lisboa)

—-

CROC_S

O BOTAFOGO voltou a apresentar os mesmos problemas no empate (de bom tamanho) de 1 X 1 contra o Resende. Se verdade que o técnico Caio Júnior mal teve tempo de conhecer melhor os jogadores, nem por isso pode-se eximí-lo de alguma responsabilidade, sobretudo na substituição do Everton por Arévalo. /// ADEMAIS, falar durante toda a semana que o seu time seria ofensivo e entrar em campo num 4-4-2 diante do Resende, convenhamos que não foi bom sinal. Mudou o quê? /// O PROBLEMA do Botafogo não é técnico, mas a falta de qualidade de 60% dos seus jogadores. O time precisa urgentemente de reforços. E reforços contratados por gente do ramo, não por amadores. O departamento de futebol simplemente não existe. É o pior do Rio /// UMA vez mais na Taça Rio, o Vasco apareceu como o melhor da rodada. Não pelos 4 X 0 que meteu no Bangu, mas pelo bom toque de bola e variações táticas que apresentou no decorrer dos 90 minutos. /// O FLAMENGO venceu, mas absolutamente não convenceu. Se é verdade que teve mais posse de bola, fez um gol através de um chute do Renato da intermediária e conseguiu um outro, contra, no finalzinho, graças a uma boa ajuda dos Deuses do Futebol. /// O FLUMINENSE foi outro que ficou devendo. Salvou-se pelos dois gols que fez nos primeiros 20 minutos de jogo. E só! /// DOS quatro grandes, porém, o Botafogo foi novamente o pior. Está mal o alvinegro. /// FOI bonito ver as instalações de São Januário novamente tomadas pela esfusiante torcida vascaína. Um belo espetáculo de amor ao clube. Agora, sim, Roberto Dinamite está no caminho certo. /// A ASSOCIAÇÃO Brasiliense de Cronistas Desportivos-ABCD- continua aguardando da Sectetaria de Esportes as anunciadas mudanças no comando da administração do estádio Bezerrão, cuja responsabilidade de manutenção e administração é daquela Secretaria. /// A PRESIDENTE Dilma Rousseff terá mais uma vaga para preencher no Superior Tribunal de Justiça-STJ-. Ainda este mês, quem se aposenta é o ministro Aldir Passarinho Filho. Gente que é gente, amigo da gente. /// COM a presença de dezenas de familiares e amigos, principalmente do mundo jurídico, quem foi festejado pela passagem dos seus 90 anos, foi o advogado Antonio Carlos Sigmaringa Seixas, um dos baluartes da advocacia brasiliense. /// É isso aí!





A direita quer ‘matar’ Bolsonaro

4 04 2011

Na blogosfera, tudo é possível.
Mas hoje percebi pelo twitter que algumas pessoas conseguem se superar no surrealismo de suas paranóias.
A linha de raciocínio de uma que se assume como sendo da direita inteligente (sic) começou a atacar em mensagens seguidas a postura de Bolsonaro. Não por não concordar com ele, mas por entender que as entrevistas do deputado federal pelo Rio de Janeiro estavam desviando o foco que a direita deveria centrar que é a história do suposto mensalão do PT. Veja bem: não se fala do mensalão do PSDB, nem do Demo, nem da Yeda e nem de quem quer que seja.
Percebe-se, assim, de modo insofismável que a direita montou uma estratégia de requentar informações e desta forma manter o assunto na ordem do dia. Mas a estratégia revelou-se frágil para fazer frente, na blogosfera, aos episódios envolvendo Bolsonaro.
Esta é a razão do ódio do povo da direita ques e asusme como inteligente (sic): Bolsonaro atrapalha a estratégia. Chegaram a tal ponto de dizer que ele estava a serviço da…. esquerda.
Por ter dado com os burros na água com sua estratégia, é bem capaz desta direita que se vangloria de ser inteligente, acabar culpando Bolsonaro pela absolvição do pessoal do mensalão pelo STF – e não a absoluta falta de provas e a fragiliade das acusações que parte, em sua maioria, de suposições e achismo. Algo que qualquer estudante de Direito, mesmo de uma faculdade privada, sabe que não tem qualquer valor jurídico.





Cuidado: Bolsonaro não está sozinho!

4 04 2011

Tenho lido toda esta celeuma envolvendo as declarações de Bolsonaro com extrema preocupação.
Tenho conversado com pessoas – não apenas no restrito círculo dos que pensam igual a mim, com os quais tenho convergência de ideias e ideais.
E posso assegurar: a cruzada de Bolsonaro pode gerar um efeito que irá assustar muita gente.
Me refiro ao surgimento público de novos ‘bolsonaros’.
Para quem é do DF, haverá de lembrar como foi a campanha – e a votação dos candidatos Ronaldo Fonseca e Ricardo Quirino. NO caso de Ronaldo Fonseca, ele fez mais de 67 mil votos com uma ‘cruzada’ marcada por parâmetros e propostas muito semelhantes as de Bolsonaro. Percebo que muita gente não se depara com esta questão por uma razão simples: Bolsonaro é o primeiro com coragem de externar um sentimento que é latente em boa parte da sociedade. Quer queiramos ou não, mas ele é o primeiro com coragem de dizer o que pensa de modo claro.
O estimado leitor não concorda com este perigo? Basta que cada um comece a prestar atenção nos eleitos em seus municípios e estados e ficará mais claro o que estou dizendo: existem muitos outros ‘bolsonaros’.
Pode ser estranho e muitos poderão não concordar, mas com toda esta mídia, hoje ele virou figura nacional e, pelo seu exemplo (e não estou aqui julgando se é bom ou ruim), vai acabar encorajando outras pessoas a defenderem as mesmas causas.
Volto a dizer: não é conveniente continuar tratando Bolsonaro apenas como um louco ou um caso isolado.





DF: Suspeitas colocam Expansão do Setor Sudoeste em cheque

4 04 2011

Audiência Pública debate criação de uma nova quadra no Sudoeste
A Câmara Legislativa realiza audiência pública, nesta segunda-feira (4), as 15 h, no auditório da Casa, para debater a “expansão do Sudoeste”, com a criação da nova quadra 500. Um tema que divide opiniões por apresentar supostas irregularidades na criação das 22 edificações residenciais previstas em projeto para a área. A audiência é uma iniciativa do deputado Chico Vigilante (PT), líder do Bloco PT-PRB, contrário à criação da quadra.
A Licença de Instalação concedida à empresa Antares Engenharia para a construção dos 22 prédios, no fim do ano passado, pelo Instituto Brasília Ambiental (Ibram) foi suspensa no dia 24 de março, pela Secretária de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semah). Em fevereiro, o Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) havia recomendado ao Ibram que revogasse a licença de instalação da quadra.
De acordo com o MPDFT, a licença foi liberada à empresa no fim do ano passado, no apagar das luzes do governo – tampão de Rogério Rosso. Funcionários do Ibram denunciaram ao Ministério Público irregularidades na concessão da licença entregue. Por exemplo, a avaliação ambiental por técnicos responsáveis não foi feita para que o documento fosse entregue à empresa.
Outra irregularidade, talvez a mais grave, é o fato de a suposta expansão no setor não constar no documento Brasília Revisitada, Decreto 10.829, de 14.10.1987, anexos I e II. No documento não há qualquer previsão de expansão do Sudoeste para uma nova quadra. (Idalina de Castro – Assessora de Comunicação deputado Chico Vigilante/PT)





Líbia – imprensa brasileira toma partido e não sabemos o que acontece

4 04 2011

Quem for se basear apenas pelo noticiário disponível nos sites e portais nacionais ou lligados de alguma forma ao modo norte-americano de ver o mundo, continuará certo de que os ‘rebeldes’ líbios estão vencendo a guerra contra Kadaffi.
Sinceramente, não sei em que pé está aquele salseiro lá.
Sei apenas que, também neste embate, quem está perdendo mesmo é a informação.
Não há compromisso em informar o que acontece.
Percebe-se que há muito mais torcida e vontade, do que notícias sérias acerca deste embate.
Tudo é superficial. Não há um aprofundamento nas questões básicas – como, por exemplo, na dissecação dos interesses envolvidos.
Quem fornece armas para os chamados rebeldes? Quem está por trás da ação de mercenários no País?
Fica complicado entender a mídia nacional, que parece funcionar como porta-voz do departamento de Estado norte-americano. Aqui, predomina apenas a visão de um lado.
Ninguém se ateve a questionar, por exemplo, o tipo de armamento dos rebeldes. Qual a origem deste armamento? Não sou especialista em armas, gostaria de saber o que usam, quem fornece alimentação e carros de combate?
Em face de tantas verdades, ouso transcrever um texto tentando mostrar que, de repente, pode haver um outro lado em toda esta história. Um outro lado que a nossa briosa mídia não aceita nem ao menos sugerir a sua existência.

Movimentos Sociais manifestam-se contra guerra na Líbia e pela Paz no Oriente Médio. Fazem manifestação no Senado, Câmara e Itamaraty.

Por KHARINNA CANAVARRO:

INTER.PRESS – AGNOT – Brasília – DF – Br. 313\11; 18.h: – Com uma vasta programação que incluiu a entrega de um documento com a posição dos movimentos sociais brasileiros sobre a revolta no Oriente Médio, a guerra na Líbia e pedindo a Paz no Oriente Médio, a CMS, Coordenação dos Movimentos Sociais, no Distrito Federal, a pedido de uma das entidades que a integra, o MDD, Movimento Democracia Direta, deliberou e com o apoio e a mobilização dos principais dirigentes das demais organizações populares que compõem sua direção, como representantes da CUT, CTB, CGTB, UNE, UBES, MST, CEBRAPAZ, CDR Cubana, dentre outras entidades posicionaram-se contra a guerra na Líbia, a intervenção dos EUA e da União Européia e pediram a imediata revogação da Resolução do conselho de Segurança da ONU de trata o assunto.
O documento foi entregue nesta quita feira, 31, na Comissão de Relações Exteriores do Senado Federal, na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados e no Gabinete do Ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota.
O documento afirma que: “É com grande indignação que a Coordenação dos Movimentos Sociais, reunida no dia 28 de março, acompanha as conseqüências da resolução do Conselho de Segurança da ONU que, mesmo sem ser unânime, deflagrou uma agressão militar contra a Líbia. Sob cínicas declarações “humanitárias”, os governos das grandes potências (EUA, França, Reino Unido, Itália, Espanha) – agora com a chancela da OTAN – bombardeiam esse país norte – africano de apenas seis milhões de habitantes”.
O documento afirma ainda mais adiante que : “A agressão imperialista intervém numa guerra civil, causa centenas de mortes entre a população e é, na verdade, uma nova guerra de rapina por petróleo e uma estratégia de contenção contra a luta que varreu os regimes ditatoriais sustentados pelos EUA e a OTAN nos vizinhos Egito e Tunísia. Os Movimentos Sociais do Brasil exigem o fim imediato dos bombardeios à Líbia, reafirma que a intervenção militar externa é inaceitável e atentatória à soberania nacional dos povos. É a descarada manutenção, pela força, dos interesses das potências imperialistas e suas multinacionais na região.
Mais adiante e finalizando, o documento diz: “Neste momento de profunda aflição, prestamos toda nossa solidariedade ao povo líbio, pois apenas a ele cabe a decisão sobre seu próprio destino.Dirigimo-nos ao Ministério das Relações Exteriores do Brasil e as representações do Senado e da Câmara Federal, para que expresse junto aos organismos internacionais e, em particular à Organização das Nações Unidas, a exigência dos Movimentos Sociais pelo imediato fim da intervenção militar da OTAN na Líbia, pela cessação imediata dos bombardeios, e pelo restabelecimento da paz naquela região”.
Após a entrega do documento e em todos os locais onde foi deixado os manifestantes fizeram questão de afirmar que podem ir ás ruas na próxima semana em manifestações de rua nas principais capitais do país.
Ao finalizar a reunião no Itamaraty o grupo de manifestantes dirigiu-se a casa do Embaixador da Líbia no Brasil, Salem Al Zubeid onde fizeram questão de manifestar pessoalmente seu apoio ás manifestações que acontecem em todo o mundo contra a guerra na Líbia e por uma solução pacífica sem intervenção das potencias imperialistas.
O Coordenador da CMS no DF e representante da CUT, Ismael Silva fez questão de manifestar sua indignação contra os bombardeios praticados pelos EUA e França que mataram centenas de civis em Trípoli nestes últimos dias.
Acilino Ribeiro, Coordenador Nacional do MDD e um dos principais dirigentes da CMS no DF, disse que os crimes praticados pelos EUA e a União Européia, através da OTAN, a qual chamou de Organização Terrorista do Atlântico Norte , serão julgados e condenados pela história, e que “ terroristas como Obama, Sarkozy, Cameron, Hillary Clinton e Robert Gates devem pegar prisão perpetua pelos hediondo crimes praticados, como o assassinato de crianças, jovens, idosos e mulheres, dentre milhares de civis os quais são os responsáveis”, concluio.
Paulo Vinicius, representante da CTB, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, reafirmou a unidade dos movimentos sociais pela necessidade de combater o imperialismo e levá-lo a derrota política em todo o mundo.
O representante do Comitê de Defesa da Revolução Cubana, Marcelo Melquiedes, reafirmou a posição dos movimentos sociais brasileiros em lutarem até as últimas conseqüências para conseguirem a Paz na região, buscando se necessário a articulação internacional para o fortalecimento da luta.
Iberê Lopez, Presidente do CEBRAPAZ, Centro Brasileiro pela Paz, afirmou que levará o assunto ao Conselho Mundial da Paz para intensificar suas ações, lembrando que a Presidente do órgão, Socorro Gome, já manifestou posição idêntica ao dos movimentos sociais brasileiros e que continuará lutando pela paz na líbia e demais países do Oriente Médio.
O embaixador da Líbia no Brasil, Salem Zubeib, agradeceu aos manifestantes afirmando que além do governo brasileiro a sociedade manifesta seu apoio a paz na Líbia e em toda a região como tradicionalmente tem sido de forma histórica. Afirmou que tais manifestações eleva a moral dos líbios que lutam contra o imperialismo e o sionismo, responsáveis pelo que hoje acontece em seu país.

Fontes : – INTERPRENSA – AGNOT – INTERPRESS – MIDIA LATINA. 31.03.11- KM.