Jornal Passe Livre nº 492

17 03 2011


Para ver em tela cheia, selecione “Menu” e depois “View fullscreen”





Jorge Martins – O Crocodilo de 12 e 13 de março

15 03 2011

QUESTÃO DE CREDIBILIDADE

Após participar anteriormente de duas licitações e anunciar recentemente, em várias oportunidades, sua disposição de desbancar a Globo e concretizar o sonho da exclusividade de transmissão do Campeonato Brasilileiro, no triênio 2013-2015, a renúncia da Record de participar da licitação promovida pelo Clube dos 13, sexta-feira(11) causou estupefação entre clubes e torcedores. A alegação de tratar-se de uma licitação de ”cartas marcadas”, convenhamos não consegue satisfazer ninguém. Em termos da necessária credibilidade que a emissora possui e precisa sustentar, é muito pouco. Do Oiapoque ao Chuí, ninguém entendeu absolutamente nada.
Sem a Globo na parada (que anunciou 48 antes que não participaria da licitação), restava à Record superar apenas a proposta da Rede-TV. Estava, pois, em princípio, com o garfo e faca na mão para cortar e abocanhar o bolo. Anunciar que não participaria do encontro em cima da hora, a poucos minutos da licitação, expondo como razão que a licitação estaria direcionada para a Rede TV, obviamente que não esclareceu nada. Que cartas marcadas seriam essas?
Não era segredo que diante da cisão ocorrida no Clube dos 13, que alguns clubes pretendiam fazer seus contratos sem a participação daquela entidade. Cada qual querendo abocanhar mais, como Corinthians e Flamengo (R$ l00 milhões). Se contataram a Globo, a Band ou qualquer outra emissora para fecharem seus contratos, é um direito deles. Fizesse a Record a mesma coisa. Guerra é guerra! Então, urge que a emissora esclareça o que aconteceu para retirar-se e levantar a suspeita.
Quanto à Rede TV, francamente não consigo vislumbrar o que fará para dar conta do recado. A não ser, evidentemente, repassar boa parte dos direitos para a Globo ou Band. Uma rede de cobertura do Brasileiro não é simples. A Globo levou l2 anos para conseguir atender a contento clubes, torcedores e patrocinadores. Trata-se de um empreendimento complexo, que envolve semanalmente quase 200 horas de transmissão (séries A e B). São vários e caríssimos caminhões móveis e 300 ou mais funcionários em movimentação constante por todo o país, entre motoristas, auxiliares, técnicos, jornalistas, etc. E duvido muito que esteja preparada para isso. E o fundamental: a contratação de patrocinadores que entrem com um bilhão e meio para fazer frente ao contrato com o Clube dos 13, clubes e despesas com a competição, sobretudo se não contar no bolo com os dissidentes (Flamengo, Corinthians, Grêmio, Cruzeiro, Fluminense, Botafogo, etc).
É verdade que uma cláusula do contrato lhe garante sacramentar a validade do documento apenas se os clube dissidentes assinarem com o Clube dos 13. Posto isto, ela poderá safar-se do compromisso por ali, vez que dificilmente isso acontecerá sem que os clubes tenham atendidas suas atuais milionárias imposições. É isso aí!

—-

BRONCA GERAL

Tem procedência o chio do trio de arbitragem do jogo Botafogo–DF e Ceilandense, sábado, no Cave. Árbitro, bandeirinha e quarto árbitro reclamaram da falta de uma porta no vestiário destinado aos árbitros. Trata-se de desleixo descabido e absurdo. O trio teve de trocar de roupa num quarto da segurança do estádio. Há testemunhas. Com a palavra a Administração do Guará.

—-

PLACAR MORAL

CANDANGÃO
Botafogo 3 X 1 A.Ceilandense
Brasília 1 X 4 Gama
Brasiliense 2 X 1 Ceilândia
Formosa 4 X 2 CFZ

CARIOCA
Botafogo 5 X 0 Americano
Fluminense 2 X 1 Flamengo
Vasco 3 X 3 Madureira

—-

ATÉ PARECE UM TIME

O Botafogo que derrotou o Americano por 4 X 0, sábado, com os mesmas pernas-de-pau e o técnico Joel Santana no comando, até pareceu-me um daqueles times de outrora (e botem outrora nisso) do Glorioso, com Gonçalves, Sérgio Manoel, Túlio Maravilha e o técnico Paulo Autuori a comandá-lo. Principalmente nos primeiros l5 minutos, quando tocou bem a bola, errou menos passes e procurou o gol adversário. Claro que pegou uma baba pela proa. Dos chamados pequenos, o Americano mostrou-se como o mais fraco que o alvinegro enfrentou este ano.
Infelizmente, porém, no Botafogo uma boa vitória tem um custo muito grande. Diretoria, técnico e jogadores aproveitam o instante de lucidez para alardearem ter um bom grupo, bons jogadores e que a diretoria de futebol está no caminho certo. Aí é que são elas, porquanto escorados em algumas opiniões desastrosas de analistas, colhidas aqui e acolá, muitos torcedores acabam acreditando. E claro que nada é nada disso. O Botafogo precisa urgentemente de recompor seu time se quiser disputar um título. Mesmo contra os enganadores do Flamengo, os insatisfeitos das Laranjeiras Futebol Clube e a nau esburacada do Vasco. Faltam ao alvinegro, principal e imediatamente, um bom zagueiro, dois meio-campistas mais lúcidos e atacantes de melhor qualidade que o Boneco de Olinda (El Loco) e o argentino (Saravá!) Herrera-, também conhecido pelos hermanos sob o pseudônimo de “O mais pesado que o ar”.
O Fla- Flu? Uma pelada, amigos ,uma peladinha digna de ser disputada no Aterro do Flamengo. É isso aí!

—-

CANDANGÃO 2011

TUDO COMO DANTES
No Candangão, convenhamos que à exceção da pancada levada pelo Ceilandense no sábado, para o Botafogo, o panorama mudou muito pouco. Ou seja: mesmo jogando com um misto-quente, o Jacaré papou o Gato Ceilândia e manteve os l0 pontos de diferença para os segundos colocados (Gama e Botafogo-DF, respectivamente). Folga maior que essa do Brasiliense sobre os rivais, só mesmo a de funcionário de gabinete de ministro, deputado ou senador.
O Botafogo e o Gama venceram e se mantiveram bem na fila da vaga, respectivamente, enquanto ao perder do Misto-Quente do Amarelão, o Ceilândia teve a sua situação complicada. Ainda assim, tem chances, desde que vença o Gama no Abadião, sua casa (o que não será nenhum grande acontecimento do futebol, em que pese a melhor fase do Periquito). Também o Botafogo está com o garfo e faca na mão para abocanhar sua vaguinha. Afinal, pegará o lanterninha CFZ, que tomou um vasto chega pra lá do Formosa (5 X 2).
Ah!, sim, claro que também o time goiano está na briga. E como! A um ponto do Gamão e do Fogão-DF, a vencer o Ceilandense no Abadião (no Rorizão, Cave ou qualquer outo estádio, pois em Brasília nunca se sabe que dia será o jogo, a que horas e em que estádio) terá carimbado seu passaporte para às semifinais. Depende, portanto, apenas dele. Aliás, dependendo dos demais resultados, até mesmo com um empate poderá garantir-se.
Quanto ao Brasilia, tem mesmo de contar com milagres para chegar no bolo. Terá de vencer o… Brasiliense. E de goleada! Sentiram o drama, pois não? Aliás, não deu para entender o desespero dos seus jogadores no jogo contra o Gama: trêx expulsões, brigas,etc. Por que aquilo? Tivessem sofrido um gol e mantido a tranquilidade, jogado mais com os onze em campo, claro que ainda tinham como correr atrás de um empate, quem sabe? Mas se na atual conjuntura, com os onze em campo é complicado, claro que com oito ficou pior, bem pior. Digo o mesmo do Ceilandense: agora, só milagre. Mesmo que supere o Formosa, precisará de uma matemática precisa e infalível. E não creio em tanta positividade assim. É isso aí!

BRASILEIRÃO

A Confederação Brasileira de Futebol anunciou na segunda (14) a primeira e última rodadas do Campeonato Brasileiro. A novidade será a realização de diversos clássicos na última rodadas de cada turno (19ª e 38ª), como Cruzeiro X Atlético Mineiro, Grêmio X Internacional e Avai X Figueirense, confirmados para a 19ª rodada (jogo de ída) e 38ª(jogo de volta). Os pontos corridos estão mantidos.

Veja os jogos da primeira rodada do Brasileiro (21 ou 22 de maio)

Palmeiras x Botafogo
Santos x Inter
Flamengo x Avaí
Fluminense x São Paulo
Ceará x Vasco
América-MG x Bahia
Grêmio x Corinthians
Atlético-MG x Atlético-PR
Coritiba x Atlético-GO
Figueirense x Cruzeiro

Veja os jogos da última rodada (26 ou 27 de novembro)

Corinthians x Palmeiras
São Paulo x Santos
Internacional x Grêmio
Cruzeiro x Atlético-MG
Atlético-GO x América-MG
Atlético-PR x Coritiba
Bahia x Ceará
Avaí x Figueirense
Botafogo x Fluminense
Vasco x Flamengo

—-

ENREDO OLÍMPICO

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, sonha que uma escola do Grupo Especial leve para a Sapucaí, ano que vem, o enredo “De Londres para o Rio”. E explica: “Seria a passagem da tocha da cidade-sede dos Jogos para 2012 para a capital de 2016. O prefeito garante que ajudará a agremiação na captação de patrocínio privado.

—-

PERGUNTAR não ofende: por que será que até agora Brasília é a única cidade-sede do Mundial-14 que ainda não teve definidos os nomes dos membros do Comitê Organizador Local (COL) e a imprensa esportiva nunca é informada das atividades referentes aos preparativos da cidade para a competição? Ou é para ser segredo mesmo?

—-

MEDO DE SÃO PEDRO

Os técnicos responsáveis pelo projeto do estádio do Corinthians têm mais um motivo para cumprir os prazos estipulados pela Fifa: aproveitar o período do meio do ano, tradicionalmente sem chuvas na capital paulista, para iniciar e concluir o processo de terraplanagem do terreno.

—-

CARNAVAL EM SAN LUIS

Dois mil sambistas de escolas de samba do Rio de Janeiro vão participar do carnaval da Comarca de San Luis, na Argentina, nos próximos dias 25 e 26. Para o sucesso da festa, o governo local investtiu US$ 5 milhões de dólares, que espera duplicar em termos de retorno. No ano passado, os desfiles renderam quase 15 milhões de dólares. A rede hoteleira já está totalmente ocupada..

—-

BOCHINCHO

Segundo bochincho ouvido nos bastidores do futebol candango, um dos times que luta por classificação para as semifinais, teria utilizado dois jogadores em condições irregulares na FBF, podendo perder de 4 a 6 pontos. Vem chumbo grosso por aí.

—-

“XERIFES”

Terça-feira, no Aeroporto de Brasília, desembarcam 3 cães farejadores de explosivos que atuam sob as ordens de agentes do Federal Bureau of Investigation (FBI). Carros especialmente contratados para apanhá-los estarão à espera dos “xerifes”. Durante a permanência do presidente Baracak Obama no Brasil , os au-au “xerifes” integrarão a equipe de segurança daquela instituição. Gente fina é outra coisa…

—-

GIGANTE DOS ARES

Para que tem idéia do gigantismo do avião que trouxe parte dos membros da delegação norte-americana que acompanhará o presidente Obama durante sua permanência no Brasil (agentes, pilotos, garçons, chefes de cozinha, um helicóptero, 3 carros e contêneires com água mineral e gêneros para a alimentação) devido ao seu tamanho, o “aviãozinho” foi levado para uma área especial do Aeroporto Militar. Tem quase o tamanho de um campo de futebol com as dimensões do Maraca. (l05 X 78) É mole?

—-

CROC_S

Segundo nota veiculada no jornal Folha de São Paulo, a TV Record teria jogado à tolha na briga pela exclusividade de transmissão do Brasileirão bem antes do que anunciaram. Internamente – diz o jornal – eles admitiram a impossibilidade de derrubar a Globo no meio da semana. /// O MEIA Thiago Galhardo, revelação do Bangu, está sendo disputado por Cruzeiro e Fluminense. /// O ÁRBITRO Djalma Beltrami, que deu aqueles exagerados 6 minutos e 30 segundos de acréscimo no jogo entre Bangu e Flamengo, é o mesmo que em 2005 que em 2007 foi decisivo na final do Estadual, entre Botafogo e Flamengo, ao anular um gol legítimo do atacante Dodô e, de quebra, expulsá-lo. Sua atuação contra o Bangu foi igualmente vergonhosa. Um minutio mais, e certamente arranjaria um pênalti contra o time rosado. /// O RIO de Janeiro vai sediar entre os dias 27 e 29 de abril o 6º Fórum Econômico Mundial da América Latina. O Brasil foi escolhido como sede pelo excelente desempenho na América Latina. O Rio, por sinal, já sediou o evento também em 2009. /// POR declarar para o árbitro que a penalidade contra o seu time existiu, razão pela qual a reclamação do técnico do time adversário (Al-Sailiua), Uli Shtikeh, tinha fundamento e que sua expulsão foi injusta, quem acabou se dando mal foi o técnico Paulo Autuori: foi suspenso por 1 jogo e multado em R$ 20 mil reais. Ética? Pra quê? /// DE um dirigente do Atlético Mineiro: ”Tenho certeza absoluta que o Jóbson ainda vai dar muitas alegrias ao Galo. O Botafogo precipitou-se ao cedê-lo sem tentar enquadrá-lo um pouco mais… Com carinho, apoio e paciência, ele realmente está entrando na linha”. Pode ser, pode ser. /// O BOA praça, jornalista poeta e membro da Academia Brasiliense de Letras, Adirson Vanconcellos, lança dia 6, com sessão de autógrafos, o livro “Chatô e seu tempo”. /// CONSTA por aí, que de olho na presidência da FBF, um empresário estaria agindo em cima de vários clubes amadores, pagando suas dívidas e emprestando alguns trocados. A contrapartida, claro, seria o voto de cada um na eleição da entidade, no final do ano. /// A FIFA informou aos participantes do seminário sobre a Copa-4 (Comitê Organizador Local), em Brasília, de que a cota máster de patrocínio para o Mundial custa R$ 200 milhões. Haja patrocinadores endinheirados. /// A REVISTA Veja que está em circulação, publica mais “historinhas” contadas (e filmadas) pelo contador de histórias candango,dr. Barbosa, sobre os “distintos” envolvidos na Operação Caixa de Pandorra. Cruzes! Em se tratado apenas de Brasília, o problema não é a quantidade de corruptos, mas saber onde descobriram tanta grana para abocanhar. /// AGORA, uma pergunta que não quer calar: por que agora ele só liberou o video da deputado Jaqueline Roriz? E os outros? Estranho, né gente? O que há por trás disso, hein? É isso aí!





Delação premiada ou autorização para chantagear?

11 03 2011

Foi preciso que alguém fora do viciado círculo político de Brasília resolvesse levantar a voz e dizer que está na hora de dar um basta nesta pantomima na qual se transformou o espetáculo deprimente que Durval Barbosa vem produzindo no DF, com a divulgação a conta gotas e a seu bel-prazer de farto material colhido na sua pratica criminosa de filmar reuniões e encontros. Volto a dizer: para mim, não existe bandido bom ou ruim. Sem querer ser maniqueísta, mas para mim existem bandidos e existem pessoas de bem. Um ato isolado, ainda que supostamente beneficie ‘meu’ grupo político ou atinja algum inimigo ‘meu’, mas praticado por um bandido continuará sendo um ato praticado por um bandido. O caminho para bandidos é a cadeia – depois de julgados e caso forem condenados pela Justiça.
É dentro desta ótica que vejo e lamento muito que as pessoas estejam si divertindo com o circo armado, onde nós, eleitores, somos os verdadeiros palhaços. Por isso saúdo o presidente da Câmara dos Deputados, o gaúcho Marco Maia (PT) ao dizer que a concessão da ‘Delação premiada’ implica na entrega de todo o material e não pode servir (interpretação minha) como escudo para a veiculação de ameaças e através de recadinhos – como pode ser lido em tuits e mesmo em blogs, onde supostas bocas de aluguel usam as chamadas redes sociais para a disseminação de boatos, tentando gerar um clima de apreensão e, quem saberá?, facilitar a prática de negociações excusas.
A fonte é sabida, mas a impunidade acaba gerando uma atenção desmerecida a tais figuras – muitas delas partes do mesmo lamaçal de onde emergiu o escândalo. Por vezes é hilário, noutras chega a ser patético o ataque sistêmico tipo: o rolo vai começar, as imagens estão sendo editadas, tem gente perdendo o sono… Cria-se a falsa impressão de que a classe política em sua totalidade é podre – clima propício, digo uma vez mais, para a perversa prática deletéria da generalização.
Há quem diga, de fonte segura, que a divulgação destas imagens de Jaqueline Roriz foi fruto apenas de desavença financeira e sensação de abandono. E que ao divulgá-las, estaria mandando um recado para algumas pessoas que não estariam cumprindo os acordos de silêncio, proteção e apoio já firmados. Volto a dizer: teve uma atitude correta o deputado Marco Maia ao não silenciar diante da pilantragem, de não calar diante da patifaria, de não pactuar com bandidos.
Se tem fitas/imagens com A, B ou C… que sejam divulgadas e que cada um assuma seus erros, responda por seus atos e se justifique perante o eleitor e trate de arranjar outra profissão bem longe da necessidade de referendo popular. É preciso emparedar o MP, que já se sabe também tem seus pecados, para que a coisa ande. Da mesma que respondo por meus atos e meus pecados, que cada um se vire pelo que fez – mesmo que tenha sido em alguém em quem eu tenha votado. Não me cabe pactuar ou passar a mão sobre a cabeça de ninguém. Quem errou que arque com as consequências.
Mas quero enfatizar: não é justo o MP e a PF manterem o benefício da Delação premiada para quem apenas a usa como escudo e nuvem de fumaça para manter-se no noticiário e usufruir outras benesses.
Ao circular por Brasília hoje de manhã, me deparei com toda sorte de ilações – mas não consegui encontrar nenhuma pessoa, independente de paixão ou facção partidária que tenha achado que Durval está divulgando estas fitas por ter algum compromisso com a ética e a justiça. A opinião pública que em um primeiro momento até pode ter visto no gesto do delator uma demonstração de hipócrito desejo de refazer o caminho, já descobriu que ele usa tais imagens para continuar usufruindo vantagens.
Que a PF e o MP cessem imediatamente os benefícios da Delação premiada e que ele passe a responder pelos crimes que já responde e por mais outros decorrentes destas práticas subterrâneas que fazem parte do seu modus operandis.





Para PMN, Jaqueline foi ingênua. Alguém mais acredita?

9 03 2011

Transcrevo a seguir a carta de Jaqueline Roriz na qual ela anuncia ao PMN que ‘renuncia’ sua vaga na Comissão da Reforma Política. Depois, vem uma peça que é verdadeira obra de ficção e de cinismo: a carta do PMN. E, pot fim, a matéria veiculada pelo G1.

1 – Carta de Jaqueline

Ilma Sr.

Telma Ribeiro dos Santos
Secretária-Geral Nacional do PMN

Cara amiga,

Quando pleiteei uma vaga para o Partido da Mobilização Nacional, na Comissão Especial da Reforma Política, no colégio de líderes da Câmara dos Deputados, o fiz com a convicção de que o nosso PMN e seus militantes têm uma valorosa contribuição a dar a essa comissão.

A reforma política é necessária e essencial para o avanço da democracia no Brasil, para o seu aperfeiçoamento e para toda a classe política. O atual modelo é falho e precisa ser revisto com a maior brevidade possível.

Aprendi que os interesses da sociedade, de um grupo político, devem prevalecer acima de qualquer interesse individual ou vontade pessoal e, neste contexto, solicito a minha substituição na Comissão Especial representando o PMN.

Continuarei contribuindo com propostas que façam com que o País encontre mecanismos eleitorais ainda mais democráticos, que ajudem a minimizar as injustiças sociais do nosso Brasil.

Deputada Federal Jaqueline Roriz
Presidente do PMN do Distrito Federal

2 – Agora este primor de cinismo que é a nota oficial do PMN

Partido da Mobilização Nacional, em resposta ao questionamento da imprensa em geral acerca do acontecimento ocorrido em 2006, envolvendo a atual Deputada Federal Jaqueline Roriz eleita em 2010 por esta Agremiação, vem registrar o que segue:

-I- ao convidarmos, em 2009, a então Deputada Distrital para ingressar em nossas fileiras, o fizemos baseados nas informações então colhidas de se tratar de uma pessoa de boa índole e fácil trato, filha zelosa, mãe dedicada, esposa amantíssima, estimada pela população, com estabilidade financeira, interessada no exercício da ação política, permitindo-nos visualizar um futuro promissor e uma carreira em ascensão;

-II- lamentamos profundamente que com esse perfil – por moto próprio ou induzida por terceiros – tenha se deixado envolver ingênua e desnecessariamente numa prática nefasta, própria de agentes políticos de pequena expressão, com tibieza ética, moral e intelectual, sem horizontes e carreira curta;

-III- lamentamos igualmente a transformação do instituto da “delação premiada” num instrumento de manipulação política de que a sociedade brasileira não é merecedora;

-IV- lamentamos também que – com elogiáveis exceções – alguns jornalistas venham se especializando em promover antecipadamente e a seu bel-prazer o linchamento moral de algumas pessoas, quando é visível o “poupamento” de outras cujo enriquecimento súbito causa estranheza, tanta vez que incompatível com o currículo de atividades até então exercidas;

-V- por fim, não pretendendo invadir a competência dos Órgãos a que a matéria está e estará submetida, reserva-se esta Direção – sem prejuízo das providências internas que achar conveniente adotar, aguardar o desenrolar dos acontecimentos.

São Paulo, 09 de março de 2011

TELMA RIBEIRO DOS SANTOS
Secretária Geral Nacional

Por fim, a matéria veiculada no G! – o portal de notícias da Globo.

09/03/2011 15h59 – Atualizado em 09/03/2011 16h12
Jaqueline Roriz anuncia saída da comissão de reforma política

Deputada federal foi indicada ao cargo pelo PMN.
Ela aparece em vídeo recebendo dinheiro de pivô do mensalão do DEM.

Iara Lemos
Do G1, em Brasília

A deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF), flagrada em um vídeo recebendo dinheiro de Durval Barbosa, delator do mensalão do DEM de Brasília, entregou nesta quarta-feira (9) um pedido oficial para deixar a comissão especial da reforma política da Câmara dos Deputados. Jaqueline foi indicada pelo PMN para o cargo.

“Aprendi que os interesses da sociedade, de um grupo político, devem prevalecer acima de qualquer interesse individual ou vontade pessoal e, neste contexto, solicito a minha substituição na Comissão Especial representando o PMN”, disse a deputada, por meio de nota oficial. A nota foi encaminhada à secretária-geral do PMN, Telma Ribeiro dos Santos.

No texto, a deputada critica o modelo político no Brasil. “A reforma política é necessária e essencial para o avanço da democracia no Brasil, para o seu aperfeiçoamento e para toda a classe política. O atual modelo é falho e precisa ser revisto com a maior brevidade possível”, disse a deputada.

A deputada, contudo, não fez nenhuma referência ao vídeo em que apareceu recebendo dinheiro do delator do suposto esquema de corrupção. O assessor da família Roriz, Paulo Fona, disse que a deputada não irá se manifestar sobre o vídeo.

Na manhã desta quarta, a direção do PMN divulgou nota afirmando que aguardará o “o desenrolar dos acontecimentos “sobre o caso Jaqueline Roriz (PMN-DF)”. O partido disse lamentar que Jaqueline Roriz “tenha tenha se deixado envolver ingênua e desnecessariamente numa prática nefasta, própria de agentes políticos de pequena expressão, com tibieza ética, moral e intelectual, sem horizontes e carreira curta”.

Ainda nesta quarta, a assessoria do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, informou que ele pedirá ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de inquérito para apurar o caso. Segundo a assessoria de Gurgel, o procurador-geral deve solicitar nos próximos dias a abertura de inquérito contra a deputada, que tem foro privilegiado e só pode ser investigada com autorização do STF.





No DF, boataria deixa eriçada as viúvas de Arruda e Roriz

8 03 2011

Se alguém ‘de fora’ chagasse em Brasília durante o carnaval e falasse aleatoriamente com as pessoas que encontrasse, certamente formaria um juízo segundo o qual haverá um terremoto político nos próximos dias, algo capaz de não deixar pedra-sobre pedra envolvendo Tribunal de Contas, Juízes, Ministros de Cortes Superiores e Magistrados do TJDFT, deputados federais, distritais, senadores, equipes do GDF e mesmo meios de comunicação.
A divulgação do vídeo com a Jaqueline Roriz ‘olhando’ o dinheiro embolsado por seu marido e flagrado pela filmadora do Durval Barbosa serviu para deixar em polvorosa o povo que alimenta a central de boatos. Alguns são irresponsáveis, outros sonham com a implosão de tudo que aí está pelo simples fato de que ficaram alijados das benesses que tinham em governos anteriores. Separar o interesse pessoal do que pode ser verossímel é desafio pra lá de complexo.
Trocando mensagens via twitter com o também jornalista Rodrigo Vianna, deixei claro que, na minha avaliação, o ponto central é saber de onde o vídeo saiu – vazou. Ao que parece, este e supostamente outros vídeos teriam sido liberados pelo MP. Por trás desta ação, seria importante saber qual a motivação deste material ter sido divulgado só agora – tendo em vista que se tivesse sido veiculado antes das eleições teria impugnado a candidatura da filha de Roriz.
Há uma outra corrente que diz ser este apenas o primeiro de uma série de vídeos. E sempre apontam para a existência de coisas escabrosas envolvendo todo mundo. Volto a dizer: boato é uma coisa, fato é outra. É preciso, também, enfatizar que este material entregue pelo Durval foi cortado/editado segundo as suas conveniências. Ou seja: talvez nem ele (Durval) tenha mais a gravação na íntegra. Um excerto isolado do contexto é sempre uma faca de dois gumes e é escolhido muito mais pelo interesse ou vantagem pessoal do que amparado pela verdade.
Longe de mim pensar Durval como uma figura importante – ainda mais se levarmos em conta que a divulgação das primeiras imagens foi parte de uma estratégia do ex-governador Roriz de alijar Arruda do cenário político local. Para mim, ele é tão venal e abjeto quanto os que foram flagrados por sua câmera. E, num certo sentido, ele acaba sendo uma figura necessária – mas ao mesmo tempo desprezível porque não joga limpo, joga de acordo com sua estratégia.
Para ser bem sincero: não acredito nesta boataria. O que eu percebeo, volto a dizer, que há muito mais o desejo de alguns do que qualquer conexão com a realidade. E a realidade do momento, que pode ser desmentida quando algum destes boatos de hoje tiverem a materialização das imagens, é uma só: pegaram a filha do Roriz com a mão na massa.
O resto, reitero, é boato.





Pegaram a filha de Roriz com a mão na massa!

4 03 2011

Uma verdadeira bomba explodiu nesta sexta-feira de pré-carnaval aqui em Brasília: o Ministério Público divulgou um vídeo onde Jaqueline, filha de Roriz e tida como a aposta do clã para continuar sugando as tetas do Estado, está, junto com o marido, pegando dindin com Durval Barbosa. Dindin e também pedindo estrutura para a campanha.
A despeito do teor explosivo do vídeo – que a exemplo do carnaval de 2010 coloca outro político da turma do atraZo na bica de ser preso ou no mínimo cassado – fica a pergunta: por quais razões só agora o MP está liberando este material? O que mais está guardado lá na ‘pinacoteca’? Durval entregou tudo de uma vez ou está entregando na base do conta-gotas? Se está afzendo a entrega por etapas, isto quer dizer que houve uma ruptura dele com Roriz?
Antes que me digam que não é pinacoteca, vou explicar: é cada quadro surrealista que vem surgindo… É neste sentido que digo ‘pinacoteca’. Coloco isto porque tempos atrás escrevi que queriam ‘caçar’ o Tiririca e vieram dizer que estava errado. Eu queria dizer caçar mesmo, de abater, de tirar do cenário…
Voltando ao post… Como fica agora a situação política dela? Já era uma deputada que frequentava um escalão abaixo do baixo-clero – e depois da revelação destas imagens fica a pergunta: Por que só agora?
A bomba serviu para alimentar a turma do boato, aqueles que juram saber toda verdade, cochichando e dizendo que a ‘pinacoteca’ de Durval é razão para tirar o sono de muitos azuis, verdes e vermelhos de todos os matizes. Pergunta-se: a quem interessa este jogo de soltar aos poucos o conteúdo do material, como vem fazendo o MP? Esta gravação tem continuidade? O que mais está guardado?
Enfim… lá está outra vez o nome do DF envolvido com podridão!





Libertadores 2011: naufrágio a vista ou apenas turbulência?

4 03 2011

A largada da Libertadores da América 2011 não tem sido aquela idealizada pelos clubes e incentivada pela chamada mídia esportiva. O fato de termos os principais clubes do País na disputa – Grêmio, Inter, Corinthians, Santos, Fluminense e Cruzeiro – gerava a certeza de que a principal disputa seria para saber quem seria o vencedor. Os demais times de outros países seriam apenas e tão somente figurantes.
Olhando a performance dos clubes, apenas pelos resultados – afinal de contas assisti somente um jogo de cada time – a situação é tensa.
Dois clubes estavam na fase eliminatória da Libertadores, que alguns erroneamente chamam de pré-Libertadores. O Grêmio foi sofrível nos dois jogos contra o Liverpool de Montevidéu, que mais parecia um time de amigos do bar que se reúnem para uma pelada, mas ao menos passou para a fase seguinte. Pior foi o Corinthians, que simplesmente não jogou diante do Tolima. Com esta performance, o time virou motivo de piada e constrangimento para sua sofrida massa de torcedores.

Grupos

Favorecidos por tabelas que possibilitaram dois jogos em sequencia em casa, Flu (grupo 3) e Cruzeiro (grupo 7) vivem realidades distintas. O primeiro respira por aparelhos e o segundo encaminhou bem a sua classificação com todos os indicativos de que fará a melhor campanha. Indicativos, não certeza… O Flu, por sinal, tem jogo decisivo no Engenhão dia 23 contra o mesmo América que o derrotou esta semana.
Quem não está conseguindo empolgar ninguém é o Santos (grupo 5), que contratou muitos jogadores e demitiu o técnico. Fez dois jogos, empatou ambos e ainda está devendo. Está em 3º no grupo, mas não deve ter problemas para se classificar. Pode ser beneficiado pelo fato de ter dois jogos ‘na volta’ na Baixada.
O Inter (grupo 6) é um enigma. Dono do maior plantel do futebol brasileiro, o time vive uma incompatibilidade entre os métodos do seu treinador e o gosto da torcida. Tem credenciais para ser tri, mas vai se defrontar com um desafio regional depois do carnaval: com o fracasso do chamado Inter B, o time A terá de se desdobrar em duas competições – algo que não é do agrado do treinador. Empatou fora, um jogo que estava ganho e fez 4 em casa – sem jogar bem. Fechará sua participação jogando em casa.
O Grêmio chegou à Libertadores amparado por uma surpreendente reação no Brasileirão e principalmente ao fracasso do Goiás na final da Sul-americana. O time de 2011 não consegue a mesma mecânica de jogo de 2010 – e o time se tornou previsível e repetitivo. E isto se deve não apenas por ter perdido Jonas, mas por conta de algumas bizarrices de seu treinador – como esta teimosi em jogar com dois centroavantes de área e manter a escalação de Carlos Alberto que parece ganhar a titularidade por afinidade e não por qualidade. Ao contrário de muitos, creio que o Grêmio precisa de um zagueiro pela direita, um lateral esquerdo e um atacante de velocidade – que poderia ser Éder Luis do Vasco, o único que tem algumas características de 2º atacante de velocidade.
Na minha opinião, o Grêmio entrará como 2º do grupo, mas pode crescer na fase do mata-mata.

Resumindo

Dos times brasileiros, apenas o Cruzeiro está dando conta do recado. O Fluminense decepciona. O Santos empaca. O Inter se debate em suas dúvidas, inclusive da conveniência de manter o treinador. E o Grêmio ainda busca reencontrar sua cara…