2º turno: PT segue na defensiva

7 10 2010

Estamos às vésperas do início do horário eleitoral gratuito e o que observamos é que o PT Nacional assimilou o discurso oportunista criado pela mídia e pelo Psdb dizendo que ‘derrotaram’ o Lula (e o Brasil, por via de consequência). Trata-se de uma inversão perversa, mas que revela a incapacidade do Governo Lula/PT em reagir. O PT, percebe-se, está enredado em suas disputas internas, em sua incapacidade de decidir.
Enquanto Serra comete atos falhos (que a mídia de modo complacente, conivente e canalha não repercute e neste caso é vergonhoso o papel da TV Brasil de não oferecer um contraponto crítico ao noticiário parcial das demais emissoras – louve-se aqui o jornalismo da TV Record que registrou e veiculou a vaia que o serra levou e a trapalhada dele dizendo-se a favor do aborto), a turma do PT falha ao não ter atos concretos com vistas a retomada da caminhada da vitória. Parece que esperam por Marina para acordar. Sejamos realistas: o PV vai fechar com o Serra, isto sdão favas contadas. Até parece que nem foi a Dilma quem conseguiu ‘apenas’ 47% dos votos.
Engessaram o PT no seu próprio paulistanismo egocêntrico, onde os interesses paroquiais são mais importantes e contam mais do que a realidade nacional. Só o PT ainda não se deu conta de que, da forma como está, ele está ficando cada vez mais parecido com o Psdb, também ele meramente ‘paulistano’ – ainda que tenha conseguido eleger governadores em vários estados.
Minha maior expectativa está em relação à próxima pesquisa de intenções de voto. Colmo só o Serra está aparecendo no noticiário afzendo movimentos ‘públicos’, não me causará surpresa nenhuma caso Serra apareça colado ou na frente da Dilma…